Logo SatellaSoft



Principais funções do PHP

Conheça algumas funções importantes e saiba como criar as suas.


Ícone homem Gunnar Correa
Ícone data de publicação 28/01/2015
Ícone quantidade de visualização 2,644
Ícone bandeira do Brasil Português

Funções são blocos de códigos pré-programados que são instalados no servidor, o programador chama esta função e a mesma executa X funcionalidade de acordo com o que foi programado para ela.

Funções ficam dentro de classes, onde contém várias outras funções, quando chamamos estas funções, apenas passamos por parâmetro as informações que queremos e ela nos retorna um valor alterado ou não.

Abaixo segue um exemplo de função, neste caso não se refere a uma função já instalada no servidor, e sim criada pelo programador, a fim de atender suas necessidades.

Código 01:


   function totalSoma($numero){
     return $total = $numero + 15;
   }

Neste código, quando chamarmos a função totalSoma, ela vai efetuar um cálculo interno e depois vai apenas nos retornar o valor já alterado. Você pode utilizar esta função infinitas vezes ao invés de ficar programando o código infinitas vezes.

Para chamar uma função, basta que ela esteja acessível no código, se não estiver é só chamar através de um include(‘funcao.php’); que este arquivo contendo as funções já estará visível no código, Agora é só chamar a função como mostrado abaixo.

Código 02:


   echo totalSoma(3);

Agora que já sabemos como funcionam as funções, vamos aprender a criar a nossa, para criar uma função é muito simples basta escrevermos a palavra reservada function em seguida o nome da mesma e por fim parênteses e chaves. Dentro das chaves ficam seu código e tudo que você quer processar quando esta função for chamada.

O nome da função você deve dar de acordo com o que ela vai fazer, no nosso caso nossa função via calcular e exibir o valor com juros, então nossa função se chama exibeValorJuros, isto é importante para quando você for dar manutenção no código, saber o que aquela função serve.


Parâmetro é um valor que você vai passar para a função, apenas ali aquele valor vai existir, note que como parâmetros temos uma variável, podemos passar 10 ou mais variáveis, o valor desta variável vai ser substituído pelo valor que você passar quando chamar a função, ou seja, quando você chamar a função e passar 300 para o parâmetro, dentro do código onde esta $valor vai ser substituído pelo valor que você passou.


As chaves limitam a nossa função, tudo que estiver dentro de chaves faz parte da nossa função e dentro de parênteses vai ser nossos parâmetros, podemos inserir vários outros separando por virgula.

Tome cuidado para quando passar mais de um valor em uma função, a mesma ordem das variáveis na sua função tem que ser a mesma quando for chamar a função. Ex:

A ordem de quando é chamado deve ser a mesma das ordens das variáveis dentro da função, veja no exemplo acima, deve se respeitar esta ordem se não você vai ter dor de cabeça com suas funções. Se passar nome primeiro e depois valor, vamos ter problemas, já que nome não é um numero e a variável valor faz parte de um processamento de calculo, enquanto a variável nome não tem nenhum processamento, apenas exibimos o valor dela.

Deve-se usar conscientemente as funções para não sobrecarregar o código, não é necessário criar uma função para uma operação que você só vai utilizar uma única vez e sim para operações que vai ser utilizada várias vezes.

Agora que já sabemos criar e como funcionam funções podemos avançar para as funções que você deve ter em mente, sem a necessidade de fazer uma consulta. Saiba que em todas as linguagens de programação as funções (são chamadas de métodos) funcionam da mesma forma, o que pode mudar que ao invés de ser function pode ser outra sintaxe, mas nada que 1 minuto de pesquisa você não possa encontrar uma documentação.

Abordar aqui as principais funções do PHP é algo muito relativo, por que para um programador as principais funções são de cálculos, para outro tratamento de String e assim vai, cada programador tem suas funções principais, mas aqui vou mostrar algumas que você sempre vai utilizar.

 

Str_replace() – Substituir String

Imaginamos que você tenha uma frase, ou uma String de um formulário e queria fazer um filtro, como por exemplo remover palavras indesejadas, trocar ortografia ou qualquer outra coisa que necessita-se de uma substituição de String. Para resolver este problema existe uma função chamada str_replace(), onde passamos por parâmetros para ela o que você procura, pelo que vai ser substituído e onde ela deve substituir.

No código acima temos um exemplo de seu funcionamento, é muito simples esta função e não exige conhecimentos específicos, onde temos sapo, será trocado por Rato e quando exibirmos o valor de $strTratamento nosso texto já estará alterado.

Se no nosso texto escrevermos Sapo(com s Maiúsculo) quando for para ser exibido o valor a palavra não será trocada, pois o PHP é Case Sensitive, então sapo e Sapo são diferentes.  Mas não se preocupe com isto, é só chamar a função str_ireplace() que ele busca a palavra mesmo se ela estiver em maiúscula ou minúscula.

 

Substr()– Limitar Quantidade de caracteres em String

 

Imaginamos que queria que em um Texto seja exibido apenas alguns caracteres ao invés de todo o texto, a função que nos auxilia é substr();. Primeiro passamos a String que queremos limitar, em seguida de onde deve começar, no nosso caso queremos que comece do caractere 0 e por ultimo até que caractere deve ser feito a limitação.

O texto é será exibido se executarmos o código acima é: O Rato. O espaço também é contado como um caractere então no total de caracteres que temos é de 6.

Muito simples e prática esta função.

 

Strip_tags – Remover Tag do HTML

 

Esta função é muito utilizada em formulários de comentários onde os usuários tentam inserir algum código HTLML para alterar o texto ou distorcer o site. Esta função exige que o programador esteja consciente dos problemas que poderá ter no caso de permitir alguma Tag.

Sua sintaxe é muito simples, strip_tags(); passamos dois parâmetros, sendo o segundo opcional, o primeiro é o texto contendo Tags HTML e o segundo são as Tags que vamos permitir.

No exemplo acima temos várias Tags HTML dentro da nossa variável Texto, mas antes de Cadastrarmos nosso texto queremos remover todas as Tags, permitindo somente Tags , note que não é necessário fechar a Tag dentro do parâmetro, passando apenas a Tag .

No primeiro exemplo temos nosso texto sendo exibido sem nenhum tratamento.
No segundo exemplo temos nosso texto sendo exibido com um tratamento, porém nenhuma Tag esta permitida passar.
No terceiro exemplo estamos permitindo apenas a Tag .

Esta é outra das várias funções fáceis de ser utilizada.

 

Base64_encode – Criptografar dados

 

Outra função que é bastante utilizada, pelo fato de queremos que nossos dados estejam protegidos, este meio de criptografia tem volta, ou seja, é possível de criptografar.

Sua sintaxe para criptografar é: base64_encode();, passamos como parâmetro o texto ou qualquer dado que queremos criptografar.

Para descriptografar, o processo é semelhante, a sintaxe é: base64_decode();, passamos como parâmetro o texto criptografado.

No código acima criptografamos a variável texto, e exibimos o valor da variável criptografada, depois fazemos a descriptografia, como parâmetro uma string contendo um valor criptografado utilizando base64().

É impossível ler ou saber do que se trata o texto criptografado, se efetuarmos a descriptografia é possível ter acesso a o conteúdo. Recomenda-se que utilize este método de criptografia quando você for cadastrar dados de usuários num banco de dados, pois é uma medida de segurança a mais para seus usuários.

 

Md5() – Criptografar dados sem volta

 

Este método é muito utilizado quando queremos gravar um dado onde ninguém conseguirá descriptografar, é comum utilizar em senhas, este método é chamado de Hash, uma vez criptografado jamais você conseguirá voltar ao valor original.

Para utilizar em um campo de senha por exemplo, basta quando for cadastrar o usuário dar um Hash na senha, assim será gravado a senha criptografada. Quando o usuário for fazer o Login, submeta a senha mais uma vez a um Hash e compare os valores, com o cadastrado no banco de dados.

Sua sintaxe de utilização é muito simples, basta utilizas md5();, por parâmetro você passa o dado que queira criptografar.


Mesmo um Hacker muito experiente não consegue descriptografar este Hash, por trás deste Hash é feito muitos cálculos matemáticos para se obter este resultado.

 

Strtoupper, strtolower – String Maiúscula e Minúscula


Este método deve ser utilizado para validar um formulário antes de cadastrar em um banco, se quiser apenar retornar um valor tanto na maiúscula quando na Minúscula utilize o CSS.

A sintaxe para fazer esta conversão é muito simples, para converter para maiúsculo basta utilizar strtoupper();, como parâmetro passe o texto para a conversão.
Para deixar o texto em minúsculo o processo é semelhante, use strtolower();, como parâmetro o texto a ser convertido.

Uma função deixa o texto em maiúsculo e a outra em minúscula, cuido para não confundir.

 

explode  – Quebrando String em partes

 

Imaginamos que por algum motivo você queria quebrar um String em pedaços, a cada espaço é quebrada esta String, isto é muito utilizado em lógica de programação e em Vetores.

Este método é utilizado para acessar uma determinada posição, deixei este método por ultimo por que ele exige que você tenha um pouco de conhecimento em vetores, mas se não tiver explicarei de modo que você entenda.

A sintaxe para quebrar uma String é explode();, como primeiro  parâmetro passamos onde ele deve quebrar e por ultimo o texto que ele vai fazer as ações.

Depois de aplicarmos o método explode nossa nova variável se torna um vetor, com o tamanho dos nossos pedaços, um vetor começa da posição 0, na imagem abaixo você entenderá mais um pouco sobre posições.

Quando foi definido que era para ser quebrado a cada espaço, o explode criou um Array e para cada posição ele inseriu um pedaço na ordem em que ele foi quebrando, ou seja, na ordem correta do texto.

Para acessarmos os pedaços é basta chamar a variável do explode e passar por parâmetro a posição, da seguinte forma:  strExplode[posicao];, nosso texto foi quebrado em nove posições, sendo a primeira 0 como dito anteriormente, sempre que for trabalhar com vetores a posição vai começar de 0, de 0 a 8 temos 9 posições, então rodando o código acima temos o seguinte resultado.

Como foi programado apenas para exibir algumas posições o restante continuará no vetor, porém apenas não foi exibido.

Pronto, agora você já sabe criar funções, sabe como elas funcionam e ainda conhece algumas funções já instaladas no servidor.

Espero que tenham aprendido e gostado, qualquer dúvida deixem nos comentários.




Sobre o autor


Gunnar Correa

Nome: Gunnar Correa

Site: http://www.gunnarcorrea.com


Autodidata, graduado em Desenvolvimento Web e especialista em Tecnologias na Educação em uma universidade no interior de São Paulo. Comecei meus estudos na área de programação quando ainda era criança, e atualmente estou estudando desenvolvimento de jogos.

Sou o CEO do portal SatellaSoft, criado em 2009 com o intuito de compartilhar conhecimento de forma gratuita e inédita.


Comentários



É necessário estar autenticado para comentar, clique aqui para se registrar ou aqui para acessar a sua conta!